PARVOVIROSE

Poderia chamar-se Teddy ou Patas… foram mais de muitos os casos de cachorros que nos surgiram na clínica com uma das doenças mais frequentes e temidas: a Parvovirose Canina.
Prevenção, causas, sinais de alerta e tratamento: o que precisam de saber para evitar e prevenir.


Esta terrível doença afecta principalmente os cachorros, enquanto fetos, na barriga da mãe (caso não esteja vacinada) ou pela ingestão do vírus que persiste no ambiente.

À medida que o cachorro se desenvolve, as manifestações podem ser: falha cardíaca e morte súbita, nas primeiras semanas de vida.

A partir do desmame e que geralmente coincide com a adopção, iniciam subitamente sinais de gastroenterite (depressão, perda de apetite, vómito e diarreia com sangue). Tudo isto leva a desidratação grave, febre e diminuição da resposta do sistema imunitário.

A recuperação dos cachorros que nos procuraram foi muito difícil e penosa para todos nós. Dia após dia, todos lutavam contra este vírus. Nalguns a recuperação foi lenta e noutros infelizmente, por estarem muito debilitados, não houve resposta aos tratamentos.

A primovacinação contra a parvovirose (a primeira vacina do plano vacinal) deve iniciar-se entre as 6 e as 8 semanas de idade. Certifiquem-se da idade do vosso cachorro e da administração desta vacina.

Os reforços da vacina devem ser administrados com intervalos de 3 a 4 semanas, para que haja produção de anticorpos e o sistema imune esteja preparado para reconhecer e eliminar rapidamente este vírus, caso ocorra um contacto.

Este é o principal método de prevenção da parvovirose canina.

Até estar concluído o plano vacinal, o cachorro não deve contactar com outros cães, caso não estejam devidamente vacinados.

As saídas à rua devem ser controladas, no colo do dono, com passeios curtos e em zonas “limpas”, evitando o contacto com ervas e dejectos de outros animais.

Protejam o vosso cachorro, para uma vida saudável e feliz :)


(O Rabanada não foi um dos casos de parvovirose que nos apareceram na clínica. Aliás, este menino já foi adoptado e irá começar o plano vacinal em breve!)

Sem comentários:

Enviar um comentário